Tudo sobre espelhos: como é feito, dicas de uso, limpeza e exemplos



É difícil pensar em uma residência ou prédio comercial que não tenha pelo menos um espelho na sua decoração, não é mesmo? A funcionalidade e beleza já caíram no gosto das pessoas, e as peças ganham cada vez mais espaço nos ambientes.

 

Por isso, o profissional que trabalha com vidros precisa conhecer, a fundo, tudo sobre esse material.

 

Como é fabricado, o que pode e o que não pode, como usá-los com estilos de decoração, os benefícios e até mesmo como limpar espelhos. Esses são apenas alguns dos temas que vidraceiros, arquitetos e decoradores precisam conhecer bem.

 

Afinal, são vocês que influenciam diretamente o cliente em um projeto. É neste momento que os espelhos aparecem e transformam totalmente os ambientes

 

Pensando nisso, escrevemos esse conteúdo completo abordando os principais tópicos:

 

  • Como é feito o espelho: tudo sobre o processo de fabricação
     

  • Os principais benefícios ao usá-los na decoração
     

  • Dicas de limpeza
     

  • Como escolher um espelho de qualidade
     

  • Espelho bisotado: o que é e onde usar?

 

Criamos esse material completo com tudo o que você precisa saber, mostrando desde a fabricação deste material até dicas de instalação e aplicação nos diferentes tipos de projeto.

 

Siga a leitura e aproveite para compartilhar o conhecimento com seus companheiros de profissão, amigos e até clientes.

 

Como é feito o espelho?

Essa é uma pergunta que poucos sabem responder. Mesmo se tratando de um item usado por todos no dia a dia, não são todos os profissionais do vidro que sabem responder como é feito o espelho. Se você também ainda não sabe, agora é o momento de conhecer.

 

Todos os espelhos são feitos a partir de um vidro comum plano. A primeira etapa é o processo de fabricação padrão do vidro, conhecido como banho float.

 

Em seguida, a peça passa por uma limpeza profunda com água desmineralizada para que possa receber o polimento. Esse passo é fundamental para que todas as impurezas sejam eliminadas da superfície.

 

Uma das faces do vidro recebe uma camada extremamente fina de prata, alumínio ou cromo em forma de spray. Por se tratar de um revestimento delicado, o processo é feito por robôs, evitando qualquer tipo de irregularidade na aplicação.
 

Após a fixação completa do metal na peça, ela recebe uma camada de tinta em sua parte traseira.
 

Essa tintura, no entanto, não tem apenas o objetivo de dar acabamento à peça. A tinta serve para evitar que o espelho oxide, uma vez que há metais em sua composição.
 

Por fim, passa por um forno que seca a tinta para que ele chegue à sua forma final.
 

Quais são os benefícios dos espelhos?

É óbvio que a função principal do espelho é refletir o que está na sua frente. Por esse motivo, é amplamente utilizado em banheiros, provadores e closets, locais em que as pessoas precisam olhar seu reflexo com frequência.

 

Sua característica refletiva, no entanto, traz vários outros benefícios muito úteis e que ajudam a realmente transformar ambientes.

 

Listamos abaixo os principais benefícios e como eles podem ajudar a inspirar o seu projeto. 

 

Espelhos ampliam ambientes

Usá-los ajuda a dar a sensação de expansão ao ambiente. Uma sala pequena pode dar a sensação de ser muito maior quando há um espelho bem posicionado.

 

Nossa dica para essa utilização não é apenas se limitar às peças grandes, mas sim escolher uma extremidade do ambiente para aplicá-los.

 

É claro que peças grandes ajudam muito na ampliação. Porém, outra técnica também ajuda muito quando não há a possibilidade de usar peças muito grandes: o agrupamento.

 

As peças maiores podem ser substituídas por diversas outras menores. Isso garante a mesma sensação de amplitude mesmo sem usar uma peça muito grande.

 

Além disso, essa técnica ainda traz diversas outras opções de personalização do ambiente.

 

Espelhos ajudam na iluminação do local

A técnica de iluminação com espelhos é simples. A peça deve estar sempre oposta à entrada de luz no ambiente.
 

Por exemplo, se a ideia é iluminar um quarto, a peça deve ser instalada na parede oposta à janela.
 

Quando posicionados dessa maneira, os espelhos recebem luz natural diretamente em sua superfície refletiva, fazendo com que o ambiente fique muito mais iluminado.

 

3 dicas de decoração com espelhos para se inspirar

Os espelhos dão outra cara aos ambientes quando bem aplicados. Você pode trabalhar diferentes dimensões, cortes especiais e até mesmo combinações com molduras e outros elementos do projeto.

 

Pensando nisso, trouxemos alguns projetos para você se inspirar e dar asas para à criatividade:
 

 

Vamos começar com esse projeto maravilhoso da arquiteta Ana Paula Paolinelli, para o evento Janelas CasaCor 2020. Os espelhos usados são da Divinal Vidros, com um corte especial e iluminados na parte de traz para dar esse efeito incrível.
 

 

O segundo também é um projeto feito para a exposição Janelas CasaCor, mas dessa vez pela arquiteta Andrea Pinto Coelho. Esse lindo espelho de chão, também tem um corte especial. Sua moldura é feita com outras peças refletivas, remetendo ao acabamento bisotê, mas em grande dimensão.

 

Por fim, temos um dos projetos que mais utiliza espelhos da Divinal. O centro das atenções é uma peça redonda com moldura em cobre para dar um toque especial, mas não para por aí: há espelhos bisotados nas paredes, nos móveis e também no teto. 

 

Gostou das ideias? Quer ver mais projetos incríveis da Divinal Vidros? Confira nossa postagem no Instagram.

 

Como escolher um espelho de qualidade?

Os parâmetros usados pela norma NBR NM 294:2004 apontam que um espelho de qualidade se notabiliza pela superfície lisa e o alto índice de reflexão de luz.

 

Aqui na Divinal Vidros, seguimos à risca os mais rigorosos padrões de qualidade para garantir os melhores produtos aos nossos clientes.
 

As peças produzidas em nossas fábricas não têm adição de cobre. Utilizamos um processo químico que não agride o meio ambiente e traz maior durabilidade para as peças.
 

Como limpar espelhos da melhor forma?

Ninguém gosta de se deparar com espelhos sujos, não é mesmo? Porém, eles são muito fáceis de sujar pelo contato com as mãos, poeira, poluição e etc.
 

Por se tratar de peças delicadas, é preciso cuidado na hora da limpeza, mas não é nada complicado. Manter espelhos limpos, além do efeito estético, também ajuda a prolongar a vida útil da peça.

 

Você precisa conhecer os produtos certos para usar – e também o que não usar –, além do processo e execução que vamos apresentar abaixo. Você verá que é mais simples do que parece.
 

1. Prepare a peça antes mesmo da limpeza
Verifique se não há resíduos ou poeiras mais duras que possam causar um risco ao passar um pano ou bucha e elimine-as.
 

2. Escolha produtos próprios para vidros
Utilizar um material indevido pode prejudicar a superfície da peça e até mesmo a moldura.

 

3. Nunca aplique o produto diretamente no espelho
Em vez de borrifar ou despejar o produto direto na superfície, use-o em um pano e, só então, o passe na peça. Uma aplicação direta pode causar uma reação química e causar manchas.

 

4. Não use força excessiva ao esfregar
Mesmo tendo preparado a peça, pode ser que haja alguma sujeira mais rígida na superfície. Por isso, esfregue com cuidado. Lembre-se: uma boa limpeza é feita com jeito, não força.

 

5. Deixe o espelho secar completamente
Quando não há secagem adequada, a peça pode acabar com manchas. Isso acontece devido aos resíduos químicos e a reação com a superfície da peça.
 

6. Nunca limpe o espelho sob o sol
Tanto na etapa de aplicação do produto de limpeza quanto na hora da secagem, a exposição ao sol pode causar manchas. Se você não pode tirar a peça do sol, prefira fazer o processo de limpeza durante a noite ou em dias nublados para evitar problemas.

 

Quer saber mais sobre como limpar espelhos da melhor maneira? Preparamos um conteúdo completo para você.
 

O que é espelho bisotado?

Você provavelmente já viu um espelho com acabamento chanfrado nas bordas. Esse é um espelho bisotado.

 

O bisotê é o acabamento em que as bordas da peça são trabalhadas e chanfradas com angulação. Esse processo garante um toque de leveza ao criar uma moldura diferenciada.

 

Aqui na Divinal Vidros, trabalhamos com bordas de 0,5 a 4 centímetros – dependendo da espessura do espelho.

 

O bisotê não é recomendado para espelhos colocados em molduras. As bordas ficarão cobertas e o acabamento não ficará à mostra, deixando de fazer sentido em casos como este.

 

Onde encontrar espelhos da melhor qualidade?

Por mais que tenham muita semelhança na aparência, espelhos de baixa e alta qualidade se diferenciam onde importa: na durabilidade. A vida útil de uma peça de qualidade é muito maior e isso precisa ser exaltado.

 

Ao oferecer um espelho ao seu cliente, você não vai querer ouvir uma reclamação após entregar o projeto, não é mesmo? Por isso, sempre opte por fornecedores de confiança.

 

Os espelhos Divinal Vidros contam com uma fabricação detalhada, seguindo os mais rígidos padrões de qualidade. Além disso, não adicionamos cobre às peças, processo que evita a oxidação e não agride o meio ambiente.
 

Quer saber um pouco mais sobre nossos espelhos e os benefícios que temos para você? Entre em contato com nossos consultores comerciais.




Fechar
Fale com um de nossos consultores comerciais

Preencha seus dados abaixo e nossa equipe entrará em contato para entender melhor seu pedido.



Você também pode solicitar um orçamento completo pelo nosso sistema de autoatendimento.